É O QUE É. E O QUE NÃO É.

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

A PEREGRINAÇÃO II


A PEREGRINAÇÃO DO SERVO DE ISHTAR

Parte II






Grandioso, mágico, místico
Um abalo em minha tétrica cordilheira de ceticismo
Transgressão, redenção e salvação
Porque
Roubei as jóias de Jowo
Pedi perdão a Avalokitesvara
E agora abandono meu corpo em sacrifício a Maitreya.
Minha esposa dominicana dissimula com o lama, em inglês.
Eles vão, eu fico.
E ainda estou por aqui
Em toda parte
No floco inerte de neve no cume da montanha
Na raiz que penetra infame o solo mais arredio
No assobio da brisa que jamais se cala.
O tibete segue.


 Termo relacionado: A peregrinação do servo de Ishtar - Parte I - http://partesforadotodo.blogspot.com/2010/09/peregrinacao-do-servo-de-ishtar.html

Um comentário: